21 Out 2011, 12:12

Texto de Ana Isabel Pereira

Praça

Uma verdadeira maratona de cinema francês

, ,

Até domingo, o antigo cinema Passos Manuel recebe a 12ª Festa do Cinema Francês. Entre os filmes a exibir, estão 6 antestreias.

Filme "Elle s'appelait Sarah"

Até domingo, está a decorrer na cidade do Porto a 12ª Festa de Cinema Francês. Esta sexta-feira, pelas 19h30, o Passos Manuel apresenta uma das antestreias desta edição, “Elle S’appelait Sarah”.

No drama de Gilles Paquet-Brenner (1h51), Kristin Scott Thomas é Julia Jarmond, uma jornalista americana radicada em França há 20 anos que resolve escrever sobre os acontecimentos de 16 e 17 de Julho de 1942, onde mais de 12 mil judeus foram presos pela polícia francesa num velódromo de Paris. A investigação vai levar a jornalista a desvendar um mistério da sua família.

No antigo cinema portuense, terá oportunidade de ver, às 22h, outra antestreia: “Un Poison Violent”, de Katell Quillévéré (drama; 1h32). O filme tem como protagonista Clara Augarde, que interpreta uma jovem de 14 anos que volta a casa, na sua aldeia, para as férias, deixando o colégio católico onde estuda em regime de internato, e cuja fé vai ser abalada por circunstâncias familiares.

Sábado, prepare-se para uma verdadeira maratona de cinema. A tarde começa cedo. O Passos Manuel começa por exibir, às 14h30, “Boy Meets Girl”, de Leos Carax (drama; 1h40). Depois, há “Poupoupidou”, de Gérald Hustache-Mathieu (policial, comédia dramática; 1h42), outra antestreia sobre Candice Lecoeur (Sophie Quinton), cantora e modelo de província, que imitava tanto Marilyn Monroe que acabou por morrer da mesma forma que a norte-americana, para ver às 17h.

Às 19h30, mais uma novidade: “Un Homme Qui Crie”, de Mahamat Saleh Haroun (drama; 1h32), é uma história humana que se desenrola em tempo de guerra, aa capital do Chade. 

Se quiser ir só depois do jantar, a proposta é o filme “La Source des Femmes”, outra antestreia. O filme de Radu Mihaileanu (comédia dramática; 2h15) é exibido às 22h.

A matinée de domingo arranca às 14h30, com a exibição de “Esther”, de Amos Gitaï (drama; 1h37). Depois, seguem-se os filmes “La Petite Jérusalem”, de Karin Albou (drama, em antestreia; 1h36), às 17h; “Un Amour de Jeunesse”, de Mia Hansen-Løve (drama; 1h50), às 19h30; e “Les Femmes du 6ème Étage”, comédia de Philippe Le Guay (em antestreia; 1h46), às 22h.

O Porto é uma das 6 cidades que recebem este festival. Os bilhetes para as sessões no Passos Manuel custam 3,5 euros.