15 Out 2011, 20:10

Texto de Renata Silva

Praça

Uma loja onde se “respira” a cidade

O Porto com Arte é uma loja que vende desde os sabonetes Ach Brito ao vinho do Porto. O projecto, num edifício com 100 anos no Largo dos Lóios, inclui ainda um espaço de degustação de vinho, uma galeria de arte e um gabinete de design.

Porto com Arte

Fotos: Renata Silva

Depois de um dia de trabalho, quando só à noite há tempo para as compras, sobretudo as de um aniversário, pensamos nos centros comerciais. Mas, na baixa do Porto, é possível encontrar uma loja aberta até à meia-noite.

Chama-se Porto com Arte e pretende fazer portugueses e estrangeiros “respirar o Porto e os produtos nacionais”, explica à Praça André Daciano, responsável pelo espaço.

Aberto ao público desde Agosto deste ano, o espaço Porto com Arte, que está num edifício com mais 100 anos e que foi restaurado, divide-se em 3 espaços que atraem públicos diferentes. À entrada, vários produtos portugueses, que vão desde sabonetes da Ach Brito a malas feitas em cortiça, passando por garrafas de Vinho do Porto e compotas.

Ao subir um andar, é possível provar Vinho do Porto. Os terceiro e quarto andares dedicam-se à arte. Existe uma galeria onde os artistas podem expor, mensalmente, os seus trabalhos, “desde que tenham qualidade”, salvaguarda o designer de comunicação, de 31 anos.

No quarto piso, está instalado um gabinete de design. “A arte atrai os mais novos, o vinho atrai os mais velhos e a loja de produtos portugueses atrai senhoras com quase 60 anos que vêm à procura do sabonete da Ach Brito ou da Castelbel”, conta André Daciano. “E vêm também ver a galeria”, acrescenta o responsável.

O Porto com Arte abre das 10h às 24h. O horário alargado “deve-se à aposta na diferença e é bom que qualquer pessoa que consiga comprar algo fora de horas. Tentar puxar para a Baixa do Porto os portugueses e também os turistas, para também poderem comprar, até uma prenda de última hora”, explica André.

“Em vez de ir a um shopping, podem ir a uma loja na Baixa”, remata. As visitas dividem-se entre portugueses e estrangeiros.

“O Porto com Arte não é só um local de venda, significa também conhecer um pouco mais do que é a cidade do Porto”, realça André Daciano.