26 Mar 2013, 20:04

Texto de Ana Isabel Pereira

Praça

Um café e um bombom nas Flores

A Chocolataria das Flores abriu há uma semana, no número 121 da Rua das Flores. Vende chocolates e biscoitos artesanais e também funciona como cafetaria.

Chocolateria das Flores

Fotos: Diana Castanho

Começou por fazer biscoitos e compotas para a família e para os amigos. Depois vieram os chocolates. Eram aqueles miminhos que Isabel Dias levava às festas de aniversário e a outros eventos caseiros.

Quando a crise no sector têxtil a atirou para o desemprego – “trabalhei como designer de moda durante 25 anos e a última empresa onde estive entrou em processo de insolvência”, explica à Praça –, esta empreendedora de 49 anos atirou-se à ideia de negócio que já vinha acalentando há uns tempos. Abrir “uma loja de chocolates e biscoitos artesanais”.

Demorou um ano e meio – o tempo de Isabel aperfeiçoar as sua técnicas de confecção de produtos de chocolate –, mas a Chocolataria das Flores abriu finalmente portas. Há uma semana, no número 121 da Rua das Flores.

Para além dos chocolates e dos biscoitos, vende compotas, geleias e doces e marmelada. “É tudo feito por mim”, diz Isabel à Praça, explicando que a produção toma conta das “horas mais calmas” do dia.

Isabel Dias não produz para ter “muito stock“, porque os produtos que confecciona “não têm conservantes”. “Quando há ruptura de um produto, tento logo fabricar mais e repor”, explica.

Esta chocolatier do Porto testou e voltar a testar bombons e biscoitos e tem confeccionado apenas as receitas de que as pessoas que a ajudaram nas provas gostaram mais. Vinho do Porto, framboesa, caramelo, noz, lima e alfazema são alguns dos bombons que tem à venda na loja e que também faz por encomenda – apenas por encomenda, Isabel também faz para fora finger food, doce e salgada. Cada bombom custa 65 cêntimos, mas se pedir um café e um bombom o conjunto já fica por 1,3 euros.

Nos biscoitos, há de vinho do Porto, anis e sementes de funcho, amêndoa, rum com passas, amendoim com chocolate, aveia com mirtilos, canela ou azeite. Os preços dos saquinhos variam entre 1,2 (100 gramas, de canela) e 4,4 euros (200 gramas, de amêndoa com chocolate).

Aposta no vinho do Porto

Chocolataria das Flores

Vinho do Porto e caramelo são 2 dos sabores dos bombons de Isabel.

O vinho do Porto é uma aposta de Isabel que, para além de servir a bebida a copo (1,9 euros) assim como vinhos tranquilo, ginginha (1,9) e sangria (2,5) – e de fazer bombons, ainda confecciona biscoitos (o saquinho de 150 gramas custa 2,7 euros), mousse e bolo de chocolate com este vinho generoso.

Depois ainda há as compotas, os mediants – nas palavras de Isabel Dias, “um tipo de bolacha de chocolate com frutos secos” – e o chocolate com pétalas de rosa. E no futuro, a empreendedora quer confeccionar também caramelos. O melhor mesmo é passar por lá.

Apesar de o foco serem os sabores e o paladar, Isabel dá muita atenção às embalagens, etiquetas e outros pormenores estéticos do negócio.

De resto, o espaço que renovou e abriu com a ajuda do Programa de Apoio ao Empreendedorismo e à Criação do Próprio Emprego, do Instituto do Emprego e Formação Profissional, é romântico e acolhedor, a fazer lembrar cidades europeias mais cosmopolitas. Na decoração, da sua autoria, impera o branco, mas há pequenos apontamentos de preto.

“Ainda demorei uns meses a encontrar o sítio ideal. Vi vários na baixa, mas tive sempre a Rua das Flores em mente”, conta.

Também é cafetaria

A Chocolataria também funciona como cafetaria. Para comer, há torradas em pão de Mafra, fatias de bolo (1,9 euros) – o bolo de cenoura com especiarias, queijo creme e compota de abóbora e o de merengue de chocolate com mousse de chocolate com vinho do Porto são apenas 2 sugestões de fazer salivar até os menos gulosos –, brownies – com compota de framboesa ou com pistacho, por exemplo (1,7 euros) , queques – doces ou salgados , fatias de quiche ou de bola (2,5 euros), folhados (1,9 euros) e cachorros (3,5 euros).

Para uma refeição mais consistente, há um menu económico: uma fatia de quiche ou de bola, uma sopa e bebida ficam por 5,5 euros.

Para acompanhar a comida, há chás, servidos quentes ou frios, leite, café e limonada.

A Chocolataria das Flores abre de segunda a sábado, das 8h às 19h.

  1. Cátia Monteiro says:

    O espaço é bonito e tranquilo, o atendimento é muito simpático e os bolos e os chás são absolutamente deliciosos.