9 Dez 2013, 13:15

Texto de Ana Isabel Pereira

Praça

Tisana e bule de assinatura para Manoel de Oliveira

, ,

Manuel Casimiro assina o bule ”Aniki-Bóbó” para a Vista Alegre Atlantis e Thuy Tien, da Mùi Concept, fez uma tisana com o mesmo nome para o cineasta que celebra 105 anos na quarta-feira.

Bule "Aniki-Bóbó"

O Bule “Aniki-Bóbó”, da Vista Alegre, é assinado por Manuel Casimiro. Foto: DR

Thuy Tien, a responsável pela Mùi Concept – loja de chás e artesanato no Centro Comercial Bombarda e marca de chá e tisanas –, faz receitas e misturas diferentes e adora “desafios”.

O último a que se propôs foi o de fazer uma tisana para o realizador Manoel de Oliveira. A tisana “Aniki-Bóbó” vai ser lançada na próxima quarta-feira, dia em que o cineasta completa 105 anos, na Vista Alegre Atlantis. Na loja dos Clérigos, pelas 18h30, será também apresentado o bule “Aniki-Bóbó” no âmbito da Colecção 1+1=1. A peça de porcelana é uma criação inspirada no filme homónimo do realizador mais velho do mundo, da autoria de Manuel Casimiro, filho de Manoel de Oliveira, e custa 230 euros (200 euros para sócios do clube Vista Alegre).

E foi pelo bule que começou a aventura de fazer uma mistura para Manoel de Oliveira. “Fui eu que propus fazer a tisana e a Vista Alegre gostou muito da ideia”, explicou Thuy Tien à Praça, no último fim-de-semana, à margem do workshop que orientou no evento de lançamento do site Viaje Comigo.

A mistura leva “rooibos, camomila, folha de oliveira, casca de laranja, honeybush, erva-príncipe e raiz de ginseng” e cada saquinho de 50 gramas vai custar 4 euros. O último ingrediente, explica Thuy Tien, veio da inspiração nas laranjeiras que, noutros tempos, coloriam a Avenida dos Aliados.

Não é a primeira vez que Thuy Tien faz misturas em homenagem a figuras incontornáveis da história portuguesa. Para o grupo Lágrimas, já tinha criado o chá “Lágrimas de Inês” e, durante o próximo ano, pretende lançar o chá pu-erh (fermentado ou envelhecido) com morangos silvestres “Rainha Catarina de Bragança”.

Tisana "Aniki-Bóbó"

A Tisana “Aniki-Bóbó” leva camomila e folha de oliveira, entre outros ingredientes. Foto: DR

Recentemente, a Mùi Concept lançou, pelos 120 anos do FC Porto, o chá “Blue Dragon” (chá verde, fruto do dragão, papaia, pétalas de rosa e pétalas de calândula) e a tisana “Dragão Invicto” (rooibos, fruto do dragão, papaia, camomila, pétalas de rosa e flor de saudades). E, para o Natal, lançou o chá verde “Belém”, que tem canela, anis-estrelado e cardomomo.

Thuy Tien fixou-se em Portugal há mais 20 anos e em 2010 abriu a Mùi Concept na zona das galerias de arte, na baixa do Porto, mas a vietnamita veio para o Porto para dar aulas de Francês e Inglês já fornece e assina cartas de chá de projectos de todo o país há muito tempo. Em 2014, vai ter os seus chás e tisanas à venda num espaço que nascerá em Cascais, “em parceria” – “o espaço não vai ser Mùi Gourmet” –, sublinha.