21 Jan 2011, 19:18

Texto de Pedro Rios

Praça

Sábado agitado em Miguel Bombarda: é dia de inaugurações

,

A rua do Porto (e outras nas redondezas) volta a encher-se para as inaugurações simultâneas nas suas múltiplas galerias de artes.

Exposição na Galeria Presença

Presença expõe obras de Jeanine Cohen e Javier Fernandez. Foto: DR

É mais um sábado agitado na Rua Miguel Bombarda. A rua do Porto (e outras nas redondezas) volta a encher-se para as inaugurações simultâneas nas suas múltiplas galerias de artes.

Na Galeria 111, inaugura “Casa-Carrossel”, de Fátima Mendonça. A artista lisboeta continua a sua “investigação em torno da condição humana, questionando a sua própria posição social e política”, diz a 111 em comunicado (PDF).

“Papeles Rotos” é o título da exposição de colagem, gravura e vídeo de Marta Blasco, artista espanhola, que a Arthobler acolhe até 27 de Fevereiro (quinta a sábado, das 15h às 19h30). “Reflexos e Camuflagem”, de Rogério Silva, é a proposta da Galeria Trindade.

Na Fernando Santos, até ao fim de Fevereiro, o artista visual Pedro Quintas tem duas exposições, “Enamel” e “Snapshot Square”. A segunda é resultado de um projecto que o levou a fazer uma fotografia por dia – a exposição são as 365 fotografias tiradas durante 2010.

A Presença mostra trabalhos recentes de Jeanine Cohen e Javier Fernandez, que partem de materiais como acrílico, seda, algodão e madeira, enquanto a Quadrado Azul expõe trabalhos de Álvaro Lapa (1939-2006), que se dividiu entre a pintura e a poesia. Obras da pintora lituana Zaneta Jasaityté preenchem as paredes da Serpente.

Na Galeria Artes Sto. António, na Rua do Rosário, há uma colectiva de pintura e escultura a cargo de Ângela Mathias, Hélder Sanhudo, Isabel Padrão, José Emídio, Luís Zuluaga, Rodrigo Costa, Ruy Silva e Susana Piteira. Fica patente até 5 de Março.

A Galeria Dama Aflita, na Rua da Picaria, também se associa às inaugurações simultâneas. E logo com duas mostras, uma de Jucifer, autor de BD, na Dama Aflita, às 17h, e “Damas e Doces”, do ilustrador João Drumond no Quarto Alugado na Pensão Favorita (Rua Miguel Bombarda, 267), às 16h.

A Galeria Nuno Centeno (antiga Reflexus) expõe “Pé Esquerdo“, um diálogo entre Mauro Cerqueira e Nuno Sousa Vieira. Finalmente (ufa!), a Galeria São Mamede, na Rua D. Manuel II, exibe pinturas, desenhos e esculturas de Bruno Pedrosa.