Image de A partir de Julho vai poder voar do Porto para Brest e Brive

O Porto terá uma ligação por semana a Brive (em cima) e Brest (em baixo). Fotos: DR

Imagem de A partir de Julho vai poder voar do Porto para Brest e Brive
Imagem de A partir de Julho vai poder voar do Porto para Brest e Brive

11 Fev 2014, 16:55

Texto de Redação, com Lusa

Praça

A partir de Julho vai poder voar do Porto para Brest e Brive

, , , ,

O Porto é um destino com “grande potencial”, o que deverá justificar um reforço futuro da operação. É esse o desejo do director-geral da Europe Airpost, que durante este Verão ligará o Aeroporto Sá Carneiro às cidades francesas de Brest e Brive.

“Estou certo que há muito a fazer no Porto, não só para França, mas também para o Reino Unido, Alemanha e Itália”, afirmou, esta terça-feira, Jean-François Dominiak numa conferência de imprensa que decorreu no Porto.

A companhia aérea francesa Europe Airpost vai estrear-se a partir de 4 de Julho, até 29 de Agosto, em operações no Aeroporto do Porto, com rotas semanais (à sexta-feira) de e para as regiões francesas de Brest Bretagne e Brive-Vallée.

Apesar de estarem actualmente apenas programadas para o período de Verão, Jean-François Dominiak admitiu que estas rotas possam também operar na altura da Páscoa e nos meses de Setembro/Outubro.

O objectivo é servir o mercado das comunidades portuguesas naquelas regiões francesas (de onde não há, atualmente, voos para o Porto) e fomentar o turismo entre estas regiões europeias.

Convicto do “muito potencial” do Porto e do Norte de Portugal, o director-geral da Europe Airpost antecipou que a companhia poderá vir a “fazer coisas importantes” na região.

Com 23 anos de actividade e membro do grupo internacional ASL Aviation, a Europe Airpost actua quer na área do transporte de carga, quer de passageiros, tendo começado este ano a operar voos regulares de passageiros (até agora efectuava voos charter e voos fretados).

Em 2012 transportou 660.000 passageiros e 76.000 toneladas de carga, tendo obtido um volume de negócios de 236 milhões de euros.

Com um lucro médio de 3 a 4 milhões de euros nos últimos anos, a Europe Airpost reclama o estatuto de companhia com “a melhor pontualidade e regularidade do transporte aéreo”.

Da sua frota de 18 Boeing 737, 5 aviões são exclusivamente para transporte de carga e outros tantos de passageiros, sendo os restantes 8 convertíveis, em cerca de 20 minutos, da configuração de carga para a de passageiros e vice-versa.

A 17.ª companhia

Também presente na conferência de imprensa, o director do Aeroporto do Porto destacou que a Europe Airpost será a 17.ª companhia a operar naquele aeroporto, permitindo elevar de 66 para 68 o número de ligações directas a partir do Porto.

“É um bom exemplo da atractividade, dinamismo e mérito da nossa região” e “um sinal importante de diversificação que consolida o nosso potencial”, considerou Fernando Vieira, salientando, contudo, ser “muito importante consolidar estas apostas e não deixar que a região passe de moda”.

Recordando que o Aeroporto do Porto encerrou 2013 com um crescimento de 5,3% no número de passageiros transportados e de 1,7% no número de voos face a 2012, Vieira destacou tratar-se de resultados muito positivos “quando comparados com outros aeroportos”.

“O ano passado foi muito difícil para a grande maioria dos aeroportos europeus e nós há muito que não sabemos o que é ter crescimentos negativos”, sustentou, antecipando para 2014 um novo crescimento no número de passageiros, embora mais lento, na ordem dos 4%.

“Estamos a consolidar e a manter a esmagadora maioria das operações, muitas das quais estavam a ser feitas só no Verão, mas que temos a expectativa que se mantenham no ano inteiro”, acrescentou.

Para 2014, as novas operações previstas no Aeroporto do Porto incluem mais 2 rotas da Vueling (para Bruxelas a partir de 1 de Maio e para Barcelona a partir de 31 de Março), uma outra da Transavia para Lyon (a partir de 27 de Abril) e ainda outra da Ryanair para Bruxelas (a partir de 31 de Março).

Também destacado por Fernando Vieira é o regresso da British Airways ao Porto, com uma rota para Londres Heathrow (a partir de 31 de Março), e o início da operação da companhia Flybe, que a partir de 12 de Abril (e pelo menos até Novembro) voará para Birmingham.