Image de Crepes para todos os gostos na Invicta

Fotos: DR

Imagem de Crepes para todos os gostos na Invicta
Imagem de Crepes para todos os gostos na Invicta

14 Dez 2015, 18:21

Texto de Nuno Carvalho Marquese Simão Freitas

Comes & Bebes

Crepes para todos os gostos na Invicta

,

No Porto, não faltam opções para comer crepes. Com chocolate, com chantilly, com fruta, gelado, com praticamente tudo. O Porto24 deixa-lhe algumas sugestões para se perder e adoçar (ou não) a boca.

La Copa

 La Copa dá o nome a um dos mais apreciados crepes da casa, com  duas bolas de gelado com sabores à escolha, embrulhadas no crepe, cobertas por chocolate de 100% cacau. Um pecado que custa 5, 40 euros. A outra estrela da companhia é o “Crepe d’Ouro”, que leva ovos moles, fios de ovos e chantili. Os gerentes da loja descrevem-no, arrojada mas acertadamente, como “uma bomba de bom gosto”. Todos os crepes da La Copa seguem receitas antigas e tradicionais e não usam produtos prontos a preparar. Optam pelos ovos, farinha, leite, tudo batido batidos à mão, tudo ao estilo tradicional.  Possuem também crepes sem glúten que variam de preço consoante as opções do cliente.

Avenida Rodrigues de Freitas, 366, Porto

La Bombarde

A La Bombarde revelou-nos alguns dos seus “best sellers”. Na área dos salgados, uma curiosidade de alheira, grelos e ovos por 7 euros. Outro produto bem sucedido é o Popeye, por 5,50 euros, composto por cogumelos, queijo e espinafres. Por fim, nos salgados, a La Bombarde tem o Fosestiere que leva queijo, fiambre, cogumelos e ovo e um custo de 6 euros. Nos crepes doces, um de maçã e amendoim por 5,5 euros, um de Nutella por 3 euros e, por fim mas não menos saboroso, um crepe com gelado de caramelo caseiro e crocante de amendoim. Por 5 euros, é provar e apaixonar.

Rua de Gondarém, 239, Porto

Pizzeria Meidin

Esta pizaria tem um pouco de tudo. Entre esse tudo contam-se os crepes doces e salgados. Nos salgados, destaque para o “Crepe la Mêr” (7,60 euros), acompanhado por  camarão, fiambre, queijo e natas. E para um sabor natalício, bem a tempo para a época, que tal um crepe com bacalhau, recheado de espargos, queijo e natas (6,95 euros)? Crepes vegetarianos também figuram na ementa, o Paysanne com queijo, espinafres, cogumelos e cenouras (5,5 euros). Até um de soja pode ser provado(5,75 euros). Nos doces, com mais saída destacam-se os crepes de ovo e canela, chocolate com  noz e chantilly (4,15 euros). Como curiosidade a Meidin tem um crepe com gelado de vinho do Porto (4,15€) e destacou ao P24 o “Exilir”, um crepe de ovo e canela (3,35 euros).

Rua 5 de Outubro, 149

Nut’

 Com crepes a um preço muito baixo, por 2,8€, os visitantes podem apreciar as suas massas “abaunilhadas” com recheios variados, destacando-se o de Nutella. Um pouco mais caros, por 4,2 euros, a Nut’ vende também crepes de fruta, com as mais variadas compotas, mas destacou-se de maça e morango. Segue-se o seu Crepe Especial com chantilly, uma bola de gelado, um recheio e um topping por 6,3 euros. Ainda que não seja totalmente um crepe nem uma panqueca, mas uma criação que anda entre os dois, a NUT’ não deixou de nos recordar um dos seus produtos especiais: o “ChocoKebab” por 3,95 euros. Depois de deixar Guimarães a chorar por mais, é a vez do Porto, que em poucos meses tem inundado a porta da Nut’, criando largas filas que só servem para chamar mais e mais clientes.

Rua das Flores, nº50, Porto

Clérigos Café & Brasserie

Situado no Passeio dos Clérigos, num espaço vital para a baixa e movida portuense, o Café & Brasserie oferece várias opções de elevado valor. Quanto aos crepes, as sugestões vão dos que levam gelado de morango ao tradicional chocolate. A não perder.

Passeio dos Clérigos

 
Creperia da Baixa

A Creperia da Baixa é uma opção para os mais recatados. Situada nas Galerias Lumiére, é também uma aposta para aqueles que gostam de crepes, doces ou salgados, sem quererem gastar muito dinheiro. Os crepes têm preços que vão dos 2 aos 4,50 euros. Apresentam regularmente crepes temáticos e já fizeram parte da Rota das Tapas, com um ‘crepe francesinha’.

Rua José Falcão
Santini

Se gosta dos gelados da Santini, porque não aproveitar para misturar as saborosas e famosas bolas de gelado com um crepe, numa combinação total que lhe custará 5€ (o crepe fica por 2,1€ e as  bolas de gelado com 2 sabores por 2,9€). Com chantilly ficará por 3€, com chocolate quente por 3,4€ e com amêndoas torradas e caramelizadas por 2,8€. O cliente pode escolher as suas misturas e o preço de cada crepe varia consoante os ingredientes escolhidos.

Largo dos Lóios, nº16-20, Porto, Portugal

Cremosi

Foto: Hugo Magalhães

Cremosi. Foto: Arq/Hugo Magalhães

Se prefere personalizar o seu crepe, então o melhor é ir mesmo à Cremosi, onde todos eles são feitos ao gosto do cliente, e é ele próprio que o vai construindo, se quiser chocolate, assim será, se quiser acrescentar avelãs, também pode, e porque não amêndoas, oreos, kitkats, morangos e outras frutas? Ou então também gelados? Faça como quiser. O preço de um crepe simples fica pelos 2 euros, aumentando de custo a cada ingrediente que decidir acrescentar. A personalização é o forte desta casa que tem abrido loja atrás de loja na cidade.

Praça Filipa de Lencastre, 25, Porto

Amorefrato

A Amorefrato é já um valor bem conhecido na cidade no que toca à procura de gelados artesanais. A inspiração italiana faz com que a casa apresente produtos próximos desses sabores, mas o destaque vai para o crepe Amorefrato e para o gelado de Menta.

Rua Passos Manuel, 69

Sugestões dos leitores:

O José Devezas sugeriu o Café Progresso, que tem, diz o próprio, “crepes saborosos”. O café histórico da baixa portuense é, assim, mais uma opção a ter em conta. E pode sempre acompanhar a guloseima com café de saco, uma marca do espaço.

A Maria João dos Santos também sugeriu o Veracruz, na rua de Cedofeita. “Tem uns crepes divinais”, afirma. Esta marca já conquistou várias cidades, incluindo a Invicta. Fica a sugestão e a crítica da Maria João.

 

Escapou-nos algum bom estabelecimento? Se comeu um crepe divinal e os responsáveis não aparecem nesta lista, pode enviar-nos a sugestão para geral@porto24.pt ou através do facebook do Porto24.