23 Mai 2012, 10:58

Texto de Alexandra D. Marques

Comes & Bebes

Hidromel, ginja e vinho do Porto com 157 anos

, , ,

O Cantinho Gourmet acaba de abrir na baixa, é uma loja de produtos tradicionais e esconde uma raridade: tem à venda uma garrafa de vinho do Porto com 157 anos.

João Filipe Catalão do Cantinho Gourmet

João Filipe Catalão é um dos donos do Cantinho Gourmet. Foto: Alexandra D. Marques

O Cantinho Gourmet é a nova loja de produtos tradicionais portugueses da baixa portuense. Os novos inquilinos do número 191 da Rua de Santa Catarina orgulham-se de vender produtos de qualidade, de queijos a azeites, passando por licores e vinhos raros.

João Filipe Catalão e João Paulo Catalão são os proprietários do projecto que ocupou o espaço onde anteriormente estava a L’Occitane, irmãos e vêm de Sintra. Depois de terem aberto a primeira loja na sua cidade natal, decidiram expandir o negócio para o Porto.

“O conceito é baseado naqueles produtos que queremos comprar quando vamos viajar ou passear: na Serra da Estrela, gostamos de comprar o queijo da serra; no Algarve, gostamos de comprar os figos do Algarve; e por aí fora”, afirma João Filipe.

Para os de fora e para os de dentro

O público-alvo inclui os turistas mas também os “portugueses de passeio às compras”, mas é em prol dos primeiros que se fazem provas de quase todos os produtos disponíveis na loja – à excepção dos vinhos vintage e da ginja em copinhos de chocolate.

“Todos os produtos da loja podem ser testados, o que é muito importante para os estrangeiros, porque nós conhecemos mas eles não. Umas vezes podem gostar mais e outras menos”, explica João Filipe Catalão.

Os produtos mais vendidos são vários e dependem da proveniência dos compradores: os turistas preferem o vinho do Porto, os portugueses optam pelas compotas e os brasileiros gostam muito do azeite.

Vinho do Porto com 157 anos

A maior raridade da loja é a garrafa de vinho do Porto Scion com 157 anos. Só existem 1500 garrafas do vinho do Porto mais velho de sempre e estão espalhadas por todo o mundo. Os irmãos Catalão têm 2: uma na loja de Sintra e outra no novo espaço em Santa Catarina.

O preço? 3.450 euros. É que, para além de velho, “não é reprodutível”. “Este vinho foi feito com castas que já não existem”, afirma o sintrense. “Uma vez que se bebe, acabou”.

“Isto é um vinho de 1855, anterior à filoxera, que foi um fungo que contaminou a região do Douro. Na altura os
portugueses importaram castas dos Estados Unidos, que traziam a filoxera e contaminaram as nossas castas” explica.

Ginja e hidromel

Para além dos vinhos do Porto, o Cantinho Gourmet tem ginja, servida em copinhos de chocolate, vinagres de polpa de fruta, compotas artesanais, sem conservantes, e hidromel.

O hidromel, “embora esteja na zona dos licores, não é um licor. O hidromel é a primeira bebida alcoólica dos lusitanos. O seu teor alcoólico provém da fermentação de água e mel, não tem adição de aguardente”, afirma.

A loja, que inaugurou no dia 17 de Maio, abre diariamente das 9h30 às 20h. O Cantinho Gourmet só fecha 2 dias por ano: a 25 de Dezembro e 1 de Janeiro.

 

 

  1. Excelente ,mais um pequeno esforço para reforçar junto dos estrangeiros o enorme potencial dos produtos PORTUGUESES. says:

    Excelente ,mais um pequeno esforço para reforçar junto dos estrangeiros o enorme potencial dos produtos PORTUGUESES

  2. Marcelo Paiva says:

    Joao Felipe e Joao Paulo

    Parabéns pela nova loja, será um grande sucesso como a de Sintra. Espero que estejamos juntos nas novas empreitadas.

    Abços Marcelo Paiva

  3. RAlves says:

    Uma pequena correcção, a filoxera foi uma praga (é um insecto que ataca as raízes) e não um fungo, embora tenha sido um dos factores responsáveis pela introdução do míldio (esse sim, provocado por um fungo) na Europa.
    Cumprimentos e continuação do bom trabalho