15 Abr 2011, 10:47

Texto de Ana Isabel Pereira

Praça

Escritores de todo o mundo reflectem sobre a Literatura em Matosinhos

,

A 6ª edição do LeV – Literatura em Viagem junta cerca de 50 escritores e personalidades ligadas à cultura, de mais de uma dezena de países. A entrada é livre e gratuita.

Integrada no LeV, há uma exposição de desenho. Foto: DR

A partir de amanhã, a Literatura é o centro de todas as atenções em Matosinhos. De 16 a 19 Abril (15h-19h), decorre a 6ª edição do LeV – Literatura em Viagem, um festival internacional de literatura que junta cerca de 50 escritores e personalidades ligadas à cultura, de mais de uma dezena de países, na Biblioteca Municipal Florbela Espanca. A entrada é livre e gratuita.

No encontro de 4 dias que promove o livro, a leitura e o diálogo intercultural, e que é organizado pela câmara, haverá mesas-redondas, lançamentos de livros, exposições e concertos de música clássica.Consulte o programa completo aqui.

Entre os escritores que estarão no evento, contam-se, por exemplo, Carmen Yanez (Chile), Eduardo Sacheri (Argentina), Francisco José Viegas, Gonçalo M. Tavares, Luís Sepúlveda (Chile), Ondjaki (Angola), Paula Moura Pinheiro, Richard Zimmler (EUA) e Rui Zink.

E, pela primeira vez, juntam-se, num encontro de escritores, os principais nomes da literatura nacional emergente, autores como Filipa Leal, Gonçalo M. Tavares, José Luís Peixoto, Valter Hugo Mãe, José Mário Silva, Afonso Cruz, Ricardo Adolfo e José Rentes de Carvalho.

Integradas no LeV, estarão patentes 2 exposições:  “Subway Life”, de António Jorge Gonçalves, retrata em desenho o quotidiano no metro de várias metrópoles mundiais; “De Goa a Lisboa – Uma Viagem no Navio Escola Sagres”, de Joaquim Magalhães de Castro, reúne dezenas de fotografias tiradas a partir do navio escola Sagres ao longo duma expedição de Goa até Lisboa.