17 Jun 2011, 16:33

Texto de Ana Isabel Pereira

Coisas

Compras sanjoaninas

,

A Praça coligiu o que, por estes dias, há por aí alusivo ao santo popular. Boas compras.

Se quer enfeitar o pátio para a sardinhada, “vestir” a rigor a montra do seu negócio para o S. João ou simplesmente comprar algo para a festa, preste bem atenção a esta lista. A Praça reuniu o que, por estes dias, há por aí alusivo ao santo popular. Boas compras.

Flea Market Popular

Sábado, dia 18 de Junho, entre as 15h e as 23h, acontece mais uma edição do “mercado da pulga” organizado pela S.P.O.T. O Flea Market Popular é no Jardim da Cordoaria e o tema, como não poderia deixar de ser, é o 100º aniversário do São João do Porto. Sabia que foi num referendo popular promovido pelo Jornal de Notícias em 1911 que os portuenses reconheceram a festa do santo como festa da cidade? Pois é!

Santos Populares na Knock Knock

No mesmo sábado, há arraial na Knock Knock,  às 16h. Durante o dia, decorre mais uma edição do mercado de artesanato no Largo Sandman, das 10h às 20h. Aos criadores convidados de Junho, Rita Vaz Origami e Oficina do Alfredo, juntam-se outros criadores com peças alusivas à quadra dos Santos Populares: infinitofim, SraBorboleta, Uhma Handmade, Detail´s Lover e Mãos e Art, entre outros. A loja do Cais de Gaia promete muita festa e surpresas sanjoaninas.

Mercado urbano dedicado ao S. João

Na 15ª Feira Franca, que é dedicada ao tema “Santos da Casa Fazem Milagres”, pode comprar objectos de design, artesanato urbano, ilustrações, moda e acessórios, produtos biológicos e obras de arte relacionados com os Santos Populares. Alguns dos criativos e criadores convidados pela Fundação da Juventude apresentam mesmo novas colecções propositadamente para este. É no Palácio das Artes – Fábrica de Talentos (Largo de S. Domingos, 16-22, Porto), dia 25 de Junho, das 10h às 20h. A entrada é livre.

Figuras para a cascata

Na loja A Vida Portuguesa (Rua Galeria de Paris, 20, 1º, Porto), da lisboeta Catarina Portas, ainda é possível comprar as figuras típicas da tradicional cascata de S. João, do Santo às profissões de outros tempos, passando pelos elementos arquitectónicos, como as casas e a ponte. Cada figura custa 2,2 €.

Manjericos artísticos

À venda na loja Retrato do que Vejo (Rua do Almada, 415, Porto), encontra a edição limitada de manjericos com vasos pintados à mão da marca Illustrart, das artistas portuenses Isabel Coelho Ana Soares. Pode comprar o vaso pequeno (12 €) ou o grande (17 €) e, entre as ilustrações, há desenhos de martelos de S. João, de uma sardinha a pingar no pão e de um gato com uma espinha na boca.

Bolo de São João

Estas são algumas das confeitarias e pastelarias onde pode comprar o bolo tradicional desta festa popular no Porto: Doce Alto (Rua Costa Cabral, 2190; Rua Silva Tapada, 132; Praça Marquês de Pombal, 250), Tupi (Rua Sá da Bandeira, 144, Porto), Concha Douro (Av. Dr. Antunes Guimarães, 54), Tavi (Rua Senhora da Luz, 363), Nobreza (Praça Exercito Libertador, 60), Ribeiro (Rua João de Barros, Lj. 29; Pç. Guilherme Gomes Fernandes, 23) e Pão Quente Luso (Rua Augusto Luso, 143). O preço anda à volta dos 12 € o quilo.

Queque manjerico

A Doce Alto confecciona, por esta altura, e há mais de 8 anos, queques em forma de manjerico, com cobertura feita com coco verde e calda. O pequeno, do tamanho de um queque normal, custa 1,2 €; o grande (do tamanho de um bolo de aniversário) custa 6 €.

Martelos, alho-porro e manjericos

A Praça da República, a Avenida dos Aliados e o Mercado do Bolhão são sítios onde estes “adereços” à venda.

Literatura

O escritor e historiador Hélder Pacheco coligiu na obra Porto – O Livro de S. João (os 2 volumes custam 38,36 € e 46,44 €) dados, informações, testemunhos populares, impressões pessoais, imagens e documentos sobre o S. João reunidos ao longo de 20 anos.