4 Jun 2011, 16:02

Texto de Redação

Praça

Sair à noite no Porto com André Tentugal

, ,

Das francesinhas do Santiago aos beijinhos em casa: fomos conhecer o roteiro nocturno de André Tentugal, videasta, fotógrafo e músico.

André Tentugal

André Tentugal. Foto: DR

André Tentugal é um dos mais activos videastas do Porto, com um currículo apreciável na realização de telediscos (dos X-Wife, a quem já fizemos este inquérito, aos Mind da Gap). É também fotógrafo e músico. Em Setembro, vai lançar o primeiro álbum do seu projecto We Trust – o singleTime (better not stop)” já roda nas rádios e na Net. Fomos conhecer o roteiro nocturno de André.

Onde comer

Uma francesinha no Café Santiago, em Passos Manuel, se for para encher o bucho; uma piza do Al Forno, se não me apetecer sair de casa; ou uma ida ao Zé Bota para um jantar mais intimista.

Onde comer com amigos

Qualquer um destes sítios é partilhável com amigos. Aliás, não tenho grande hábito de almoçar ou jantar fora sozinho. Um novo hábito meu é, ao fim-de-semana, fazer um brunch mais completo na Adega do Bonjardim ou um lanche tardio no Café Vitória.

Sair à noite sem copos

Não bebo. Mas, numa saída tranquila, posso ir ao Nun’ Álvares se estiver um filme que apeteça ver, passar no Passos Manuel, no Café Au Lait ou Plano B, durante a semana (antes da invasão massiva de gente ao fim-de-semana), ou, se me apetecer o cheiro do mar, o Bonaparte na Avenida Brasil.

Comer às tantas da madrugada

Obrigatoriamente na Paparoca da Foz. Merece o desvio porque a vista sobre o rio com o dia a nascer justifica tudo. Os cachorros caseiros acabados de fazer também são um óptimo argumento.

Truques para estacionar ou como sair sem carro

Sair sem carro nunca dá para mim porque estou a ficar velho, burguês e cada vez mais comodista. O truque é mesmo meter o carro no parque e gastar uns 3 euros. Nas últimas vezes que não o fiz partiram-me um dos vidros do carro e a conta acabou por sair mais cara.

A melhor sala de concertos da cidade

Terá de ser o Passos Manuel. Intimista e com óptima programação. A somar a isto, as condições de conforto e qualidade de som tornam-se também mais-valias para o espaço. Sinto-me sempre em casa quando lá vou.

Passar a noite nos beijinhos

Tenho que responder que é em casa. Na privacidade que o lar me oferece e no conforto e silêncio do meu quarto.