8 Set 2011, 11:46

Texto de Redação, com Lusa

Praça

A feira medieval de Matosinhos está maior e tem mais artesãos

,

A quinta edição da feira “Os Hospitalários no Caminho de Santiago” arranca esta tarde e prolonga-se até domingo, dia 11. Há encantadores de serpentes, dança do ventre, malabaristas, acrobacias, torneios medievais a cavalo, falcoaria e muito mais.

Arranca esta quinta-feira de tarde a feira medieval de Matosinhos, que, este ano, se apresenta num espaço maior e com mais ceias medievais, uma programação mais intensa e uma oferta mais alargada ao nível dos artesãos.

“Este ano, com espaço físico mais alargado, os visitantes poderão usufruir de uma programação mais intensa e uma oferta mais alargada ao nível dos artesãos (cerca de 220) e dos produtos seleccionados”, explicava a Câmara de Matosinhos, numa nota enviada às redacções há dias.

Nesta quinta edição da feira “Os Hospitalários no Caminho de Santiago”, que se prolonga até domingo, o desafio é a “qualificação da oferta e a garantia de conforto dentro do ambiente medieval”, refere a autarquia, explicando que serão criadas zonas de descanso e que haverá uma “melhor localização da zona de concertos”.

Para além disso, serão disponibilizados 3 parques de estacionamento que totalizam mais de 1000 lugares de aparcamento gratuito (para além de multibanco, postos de informação e assistência médica permanente).

[caixa]A Câmara de Matosinhos lançou uma aplicação para “smartphones” que fornece todas as informações do que vai acontecer na feira medieval. Segundo o vereador da Cultura da autarquia, Fernando Rocha, trata-se de uma aplicação para Android e iPhone que permite “saber em tempo útil o que vai acontecer”.[/caixa]

A “animação contínua” junto ao Mosteiro de Leça do Balio será feita com saltimbancos, torneios a cavalo, acampamentos militares, passeios de burro, liças de armas, concertos, tabernas medievais e artesãos com trabalho ao vivo.

Este ano, o número de ceias medievais “foi alargado em função da elevada procura em edições anteriores”.

A iniciativa tem por objectivo “promover os Caminhos de Santiago no concelho de Matosinhos e divulgar o Mosteiro de Leça do Balio, um dos monumentos mais emblemáticos do Norte de Portugal, através da recriação da época medieval, com os seus costumes, tradições e vivências”.

Os Caminhos de Santiago também vão estar em destaque na programação, sábado, com o Encontro Internacional sobre Albergues do Caminho Português para Santiago (às 10h30) e a conferência sobre o caminho Português para Compostela (às 15h).

O programa inclui ainda visitas guiadas ao mosteiro e uma peregrinação pelos antigos Caminhos de Santiago em Matosinhos.

A feira abre às 17h e às 19h30 é apresentada uma recriação histórica da chegada dos peregrinos ao Mosteiro.

A arte do encantador de serpentes, dança do ventre, malabaristas, acrobacias, torneios medievais a cavalo, treinos com arco, falcoaria, teatro de fantoches e jogos interactivos são algumas das actividades previstas no evento.

A feira medieval representa um investimento de cerca de 180 mil euros, sendo que “a Câmara quase não investe”, garante o vereador da Cultura da Câmara de Matosinhos, Fernando Rocha. Este ano, o evento contou com o apoio de fundos comunitários, além de patrocinadores.