6 Set 2012, 18:55

Texto de Redação

Praça

Júlio Dolbeth reinventa 10 capas de discos, de “Nevermind” a “Grace”

O ilustrador do Porto reinterpretou 10 capas icónicas e o resultado poderá ser visto no Plano B.

A capa de "Grace", de Jeff Buckley, interpretada por Júlio Dolbeth

A capa de "Grace", de Jeff Buckley, interpretada por Júlio Dolbeth. Imagem: DR

Nestes tempos em que conseguimos ter toda a música do mundo em minúsculos aparelhos de plástico, Júlio Dolbeth, conhecido ilustrador do Porto, pôs-se a olhar para as velhinhas capas de discos. Com o seu traço, reinterpretou 10 capas icónicas e o resultado poderá ser visto no Plano B, no Porto, a partir de sexta-feira.

À sua maneira, Dolbeth trabalhou uma selecção de 10 capas de discos que pertencem à memória colectiva do mundo pop – de “Nevermind” dos Nirvana a “Grace” de Jeff Buckley.

O convite foi endereçado ao fundador da galeria Dama Aflita pelo Bodyspace, site especializado em música a celebrar 10 anos de vida.

“Capa a capa, motivo a motivo, Júlio Dolbeth prometeu e cumpriu: deu nova vida – e perspectiva – a capas que pensávamos fechadas para arquivo com um respeito quase sepulcral”, indica a sinopse do evento, que se chama, muito simplesmente, “10 Covers”.

A inauguração é sexta-feira, às 22h30, e contará com um concerto dos Panda, Panda, Panda… Panda, novo projecto que junta José Alberto Gomes (blac koyote), Luís Salgado (Stereoboy) e João Santos (Daily Misconceptions). A entrada é livre.

A exposição fica no Plano B até ao dia 27 de Setembro e, “se tudo correr bem, deverá visitar outras cidades portuguesas”.